Num contexto mais técnico, nutrição entende-se como a soma dos processos que envolvem a ingestão, digestão, absorção e utilização dos nutrientes. Como ciência, a nutrição estuda os processos pelos quais o corpo usa os alimentos para obter energia, manutenção e crescimento.

A alimentação engloba os alimentos que escolhemos para nutrir o organismo e fornecer toda a energia necessária à realização das suas funções. Esta escolha tem em conta os factores económicos, culturais, ambientais e emocionais.

 

Conselhos para uma melhor alimentação

 

A alimentação tem um papel muito importante no bem-estar, na prevenção e no tratamento de diversas doenças. Por esta razão, deve cumprir algumas regras básicas:

1. Tomar sempre o pequeno-almoço após acordar;

2. Comer de 3 em 3horas;

3. Mastigar e desfrutar calmamente de tudo o que se come e bebe;

4. Comer diariamente legumes e hortaliças nas proporções aconselhadas;

5. Moderar o consumo de bebidas alcoólicas;

6. Evitar os fritos, assados e molhos com muita gordura;

7. Eliminar ou pelo menos reduzir o consumo de sal;

8. Preferir o pão escuro (tem uma maior quantidade de cereais e é menos refinado);

9. Reduzir o consumo de açúcar e produtos açucarados (bolos, rebuçados, chocolates, etc.).

10. Adoptar uma alimentação completa, equilibrada e variada;

11. Eleger a água como bebida habitual e beber cerca de 1,5 a 2L por dia.

 

 

Quais os principais erros alimentares?

 

São muitos os erros alimentares, mas os mais comuns são: o abuso do consumo de bebidas alcoólicas; a utilização de gordura em excesso; a pouca ingestão de frutas e de produtos hortícolas; esquecer o pequeno-almoço e saltar os lanches intercalares; abuso no consumo de açúcar e comer em quantidade excessiva.